Funarte lança programa de investimentos e iniciativas

sab, 13/06/2020 - 14:11
Publicado em:

No dia 16 de junho, terça-feira, será lançado o programa Funarte de Toda Gente. Com foco em geração de trabalho e renda e inclusão, ele conta com investimento de quase R$ 20 milhões em atividades em várias vertentes artísticas, até o final do ano, por meio de editais, apresentações online – que incluem artistas como Xangai, Cristóvão Bastos, Catia de França e Bia Bedran – oficinas e outras ações. São cinco projetos, três deles em parceria com a UFRJ.

 

No dia 16 de junho, terça-feira, a Fundação Nacional de Artes lança o Programa Funarte de Toda Gente, que engloba projetos de incentivo à criação, produção e difusão das artes. Com foco na geração de trabalho e renda para artistas, produtores e outros profissionais da área, e sua capacitação e inclusão, a iniciativa integra editais de fomento às artes, além de espetáculos, oficinas e outras ações, disponibilizadas em “lives” e vídeos online – e, assim que possível, presenciais. Contemplando as linguagens alcançadas pela Funarte – música, artes visuais, circo, dança, teatro e artes integradas –, o Funarte de Toda Gente reúne cinco grandes linhas de ação: o Prêmio Funarte RespirArte, o projeto Bossa Criativa – Arte de Toda Gente, o Sistema Nacional de Orquestras Sociais, o projeto Um novo Olhar e o edital Funarte - Arte em Toda Parte – três delas em parceria com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Vinculada ao Ministério do Turismo, a Fundação investe, em 2020, quase R$ 20 milhões no programa.

Direcionado a todos os campos contemplados pela Funarte, o Edital RespirArte, a ser publicado também no dia 16, tem como objetivo a seleção de atrações online para o público e a promoção da arte, de vertentes culturais de todas as regiões do país.

Na sequência, o lançamento do projeto Bossa Criativa – Arte de Toda Gente marca a primeira parceria entre a Funarte e a UFRJ. Com curadoria da Escola de Música da UFRJ, o projeto propiciará, através de plataforma digital, uma programação de espetáculos online, com artistas de todo o Brasil, além de formação técnica para alunos de todo o país. A iniciativa, que será inaugurada no dia 30 de junho em plataforma na internet, contará ainda, assim que terminar o período de pandemia, com diversos eventos presenciais, em cidades brasileiras que compõem o Patrimônio Mundial Histórico e Natural da Unesco.


O segundo projeto em parceria entre a Funarte e a UFRJ, a ser lançado em meados de julho, é o Sistema Nacional de Orquestras Sociais - Sinos, cujo alvo é o apoio à capacitação pedagógica de projetos orquestrais de inclusão social em todo o Brasil. A terceira iniciativa, com data prevista de lançamento para o final de julho, é o projeto Um Novo Olhar. Com foco em acessibilidade e inclusão social, a ação reunirá uma série de cursos de capacitação em arte educação (que incluirão conteúdo acessível a pessoas com deficiência), tecnologias assistivas em arte, educação e acessibilidade, apresentações, palestras e oficinas de regência coral.

A Funarte planejou ainda o edital Arte em Toda Parte, para selecionar projetos de atividades de capacitação artística e técnica, ligados a vários segmentos artísticos.

O Programa Funarte de Toda Gente tem como objetivo democratizar e estimular a produção das artes e a diversidade cultural brasileira, de modo inclusivo, divulgando as múltiplas linguagens da arte.

RespirArte: trabalho e renda para artistas e arte gratuita para o público

Com o Edital RespirArte, a Funarte pretende incentivar 1.600 produções artísticas em vídeo, inéditas, realizadas em plataformas digitais, com prêmios de R$ 2,5 mil para cada contemplado (deduzidos os tributos). As áreas alcançadas são: circo, artes visuais, música, dança, teatro e artes integradas. A Fundação concederá 270 prêmios para cada uma das linguagens específicas e 250 para artes integradas, num investimento de R$ 4.072.000,00 (R$ 4 milhões para os projetos e R$ 72 mil para custos administrativos).

Podem se inscrever, gratuitamente, brasileiros natos ou naturalizados, maiores de 18 anos; e pessoas jurídicas de natureza cultural – tais como produtoras, companhias ou grupos. Os participantes devem ter residência ou sede e atuação comprovadas no país. Todas as produções inscritas devem ser registradas em vídeos, formatados segundo critérios estabelecidos no edital e publicados em plataformas digitais de acesso público. O número de prêmios poderá ser ampliado, caso a Funarte venha a dispor de mais recursos.

Critérios de participação por áreas artísticas

Serão aceitos neste edital os seguintes tipos de trabalhos:

  • Artes Visuais – Produções em diferentes práticas contemporâneas, como performance, vídeo de artistas, “videomapping” e arte sonora, entre outras; bem como nas demais práticas convencionais, como pintura, escultura, desenho, gravura, fotografia, entre outras, e suas “interfaces para veiculação em plataformas digitais”.
     
  • Dança – Para trabalhos nos diversos segmentos dessa linguagem.
     
  • Teatro – Criações nas várias modalidades, tais como contação de histórias, teatro de bonecos, de fantoches, de sombras; e no formato de monólogo, leitura dramática, drama e humor, entre outros.
     
  • Circo – Produções nos diferentes tipos de artes circenses.
     
  • Música – Trabalhos em qualquer estilo e gênero musical.
     
  • Artes Integradas – Criações direcionadas, de forma integrada, para mais de uma das linguagens citadas acima.

O edital estará disponível no Portal da Funarte, www.funarte.gov.br, a partir do dia 16 de junho. As inscrições deverão ser realizadas por meio do formulário online, em link a ser publicado no site institucional, no prazo de até 45 dias, a contar do dia 17. O vídeo inscrito deverá ser disponibilizado em arquivo online, por meio de link, com compartilhamento aberto, informado no formulário de inscrição. Neste deve ser anexado o currículo do candidato – no qual se comprove atuação no Brasil.

No edital, os interessados encontrarão instruções sobre especificações técnicas do vídeo, inscrições, sugestões de plataformas online ou em nuvem de armazenamento, link de disponibilização e preenchimento de formulário, além de outras informações e regras detalhadas.