Conselho de Cidadãos Brasileiros no Líbano

seg, 26/03/2012 - 10:11

No Líbano existem cerca de 10 mil brasileiros vivendo em comunidade. Depois do sucesso do I Conselho de Cidadãos Brasileiros o segundo está em andamento para a realização de feitos à sociedade.

 

 O Conselho de Cidadãos Brasileiros no Líbano foi criado em função do Brasil ser um dois países que mais recebeu imigrantes libaneses no mundo, porém, por outro lado alguns libaneses e brasileiros libaneses, a partir de 1920, retornaram ao Líbano formando uma colônia de brasileiros no país. O historiador Roberto Khatlab, criou um neologismo que chama estes brasileiros libaneses, pois a maioria são bi-nacionais, de “Brasilibaneses”. Hoje esta comunidade forma no Líbano, uma comunidade de aproximadamente 10 mil “brasilibaneses”.  Diante desta comunidade, em 2009 o Cônsul-Geral do Brasil em Beirute, Michael Gepp, criou o primeiro Conselho de Cidadãos Brasileiro (CCB) em Beirute – “um foro informal e apolítico de aconselhamento, regido exclusivamente pelo presente estatuto e pelos dispositivos pertinentes do Manual do Serviço Consular e Jurídico do Ministério das Relações Exteriores do Brasil” (Estatuto). Este primeiro CCB foi composto pelo presidente Michael Gepp, que em 2010  foi transferido do posto e a presidência passou ao Cônsul Geral Renato Menezes e os membros Roberto Khatlab, secretário executivo, Edgar  Harb, Joseph Romanos, Khaled Haymour,  Najua Bazzi,  Osmat Charafedine et Ramez Labaki  - três membros deixaram o CCB por motivo de retorno ao Brasil: Creuza Maria Vieira Marques Zaim, Maria Aparecida Vitti Hijazi e Tony Kaddissi, mas que continuaram unidos ao CCB a distância -  Acabou o mandado deste I CCB, e  está sendo formado o II Conselho de Cidadãos Brasileiros. O I CCB fez vários encontros com a comunidade, criou o Grupo Alecrim para crianças brasileiras vivendo no exterior (http://alecrimbrasil.org/PaisesProjetoAlecrim.htm  ), encontrou o Vice-Presidente da República do Brasil, Michel Temer, em sua visita ao Líbano em 2011. Um grupo que procurou ser unido e fazer uma ponte entre a comunidade brasileira e o consulado geral do Brasil no Líbano.

Na foto estão Roberto Khatlab, em companhia dos membros do Conselho, entregando uma placa de lembrança ao Cônsul Geral Renato Menezes em nome do CCB.